23.01.2014

quinta-feira, ‎23‎ de ‎janeiro‎ de ‎2014

 

“A mim me ouviam e esperavam, e em silêncio atendiam ao meu conselho. Depois de eu falar, nada replicavam, e minha palavra destilava sobre eles.”

Jó 29:21-22

Para Refletir

[…] O apóstolo permaneceu prisioneiro, mas Félix ordenou ao centurião que havia sido indicado para guardar a Paulo, “que o guardassem em prisão, tratando-o com brandura, e que a ninguém dos seus proibisse servi-lo ou vir ter com ele”. Atos 24:22 e 23.

Não foi muito depois disto que Félix e sua esposa, Drusila, mandaram chamar a Paulo para em entrevista privada poderem ouvi-lo “acerca da fé em Cristo”.Atos 24:24. Eles estavam desejosos e mesmo ávidos de ouvir a respeito dessas novas verdades – verdades que poderiam jamais ouvir de novo, e que, se rejeitadas, dariam um pronto testemunho contra eles no dia de Deus.

Paulo considerou essa oportunidade como provida por Deus, e fielmente a aproveitou. Sabia achar-se na presença de um homem que tinha o poder de o condenar à morte ou de o livrar; contudo não se dirigiu a Félix e Drusila com palavras de elogio ou lisonjas. Sabia que suas palavras seriam para eles um cheiro de vida ou de morte, e esquecendo toda consideração egoísta, procurou despertá-los para o senso de seu perigo.

O apóstolo compreendia que o evangelho tinha uma reivindicação sobre quem quer que atentasse para suas palavras; que um dia eles estariam ou entre os puros e santos ao redor do grande trono branco, ou com aqueles a quem Cristo haveria de dizer: “Apartai-vos de Mim, vós que praticais a iniqüidade.” Mat. 7:23. Ele sabia que teria de encontrar cada um de seus ouvintes diante do tribunal do Céu, e que aí teria de prestar contas, não apenas de tudo o que havia dito e feito, mas do motivo e espírito de suas palavras e ações.

Livro: Atos dos Apóstolos Capítulo: Perante o Tribunal de Cesaréia Páginas: 422-423 Autor: Ellen G. White

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s