04.09.2013

‎quarta-feira, ‎4‎ de ‎setembro‎ de ‎2013

 

“Por isso diga ao povo: Assim diz o Senhor dos Exércitos: ‘Voltem para mim, e eu me voltarei para vocês’, diz o Senhor dos Exércitos. Não sejam como os seus antepassados aos quais os antigos profetas proclamaram: Assim diz o Senhor dos Exércitos: ‘Deixem os seus caminhos e as suas más obras. Mas eles não me ouviram nem me deram atenção’, declara o Senhor. Onde estão agora os seus antepassados? E os profetas, acaso vivem eles para sempre? Mas as minhas palavras e os meus decretos, que ordenei aos meus servos, os profetas, alcançaram os seus antepassados e os levaram a converter-se e a dizer: ‘O Senhor dos Exércitos fez conosco o que os nossos caminhos e práticas mereciam, conforme prometeu’ “.”

Zacarias 1:3-6

Para Refletir

 

Os que se põem diante do povo como mestres da verdade, têm que se haver com grandes temas. Não devem ocupar precioso tempo falando de assuntos triviais. Estudem eles a Palavra, e preguem a Palavra. Seja ela em suas mãos qual espada aguda de dois gumes. Testifique ela das verdades passadas, e mostre o que há de ser no futuro.

Cristo veio do Céu a fim de dar a João as grandes, maravilhosas verdades que nos devem moldar a vida, e que devem ser por nós proclamadas ao mundo. Cumpre-nos manter-nos a par com os tempos, dando um testemunho claro, inteligente, guiados pela unção do Espírito Santo.

A verdade decisiva para este tempo deve ser dada a conhecer, e explanada. Todas as classes, as mais altas da mesma maneira que as mais humildes, vão a essas reuniões, e cumpre-nos trabalhar por todas elas. Depois de haver sido dada a mensagem de advertência, convidem-se os que se acham especialmente interessados à tenda, a sós, e aí trabalhai por sua conversão. Esta espécie de trabalho é obra missionária da mais elevada espécie.

Desejo que compreendais claramente este ponto, que almas são impedidas de obedecer à verdade em razão de terem idéias confusas, e também porque não sabem como entregar a vontade e a mente a Jesus. Precisam de instruções especiais quanto à maneira de se tornarem cristãos. A obra realizada para Cristo no mundo não se compõe de grandes feitos e maravilhosas consecuções. Estes aparecerão segundo forem necessários. A obra mais bem-sucedida, porém, é aquela que mantém o máximo possível fora de vistas o próprio eu. É a obra de ensinar regra sobre regra, mandamento sobre mandamento, um pouco aqui, um pouco ali; de pôr-se em íntima simpatia com o coração humano. Este é dos serviços prestados a Jesus Cristo, o que será reconhecido no último dia.

(Evangelismo – Ellen G. White)

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s