25.09.2012

terça-feira, 25 de setembro de 2012

 

Temos diferentes dons, segundo a graça que nos foi dada, se é profecia, seja ela segundo a medida da fé; se é ministério, seja em ministrar; se é ensinar, haja dedicação ao ensino; ou que exorta, use esse dom em exortar; o que reparte, faça-o com liberalidade; o que preside, com zelo; o que usa de misericórdia, com alegria.

Romanos 12:6-8

Para Refletir…

 

É aqui, aqui mesmo no mundo, que os nossos talentos devem ser usados. Devemos conduzir as almas ao “Cordeiro de Deus, que tira o pecado do mundo”. João 1:29. É nosso trabalho, e devíamos ter o prazer de apresentar em nossa vida as insondáveis riquezas de Cristo. Podemos consignar progresso diário no caminho da santidade, e ainda encontraremos alturas maiores a galgar; mas toda tensão dos músculos espirituais, cada esforço do coração e do cérebro, traz à luz a abundância do suprimento de graça que nos é necessário à medida que avançamos. Quanto mais contemplarmos as coisas eternas, tanto mais revelaremos os méritos do sacrifício do Salvador, a proteção de Sua justiça, a plenitude de Sua sabedoria, e Seu poder de nos apresentar ao Pai sem mácula, nem ruga nem coisa semelhante.

[…] Quando cada membro da igreja compreende sua própria responsabilidade individual, quando humildemente assume o trabalho que se apresenta diante dele, a obra prosseguirá para o êxito. Deus deu a cada um a sua obra, segundo suas várias aptidões.

Não será fácil trabalhar para o Mestre nesta época. Mas, quanta perplexidade poderia ser evitada, se os obreiros continuamente confiassem em Deus, e considerassem devidamente as instruções que Deus tem dado! […]

Este é um assunto que requer estudo atento e criterioso. São cometidos muitos erros porque os homens não atendem a esta instrução. Muitos que são encarregados de fazer alguma humilde espécie de trabalho para o Mestre, logo ficam descontentes, e pensam que devem ser mestres e dirigentes. Desejam largar seu humilde serviço, que é justamente tão importante em sua esfera, como as maiores responsabilidades. Os que são postos a visitar, logo pensam que qualquer um pode fazer esse trabalho, que qualquer um pode dirigir palavras de simpatia e animação, e, de maneira humilde e discreta, levar outros a terem correta compreensão das Escrituras. Esta é, porém, uma obra que demanda muita graça, muita paciência, e crescente provisão de sabedoria.  

(E Recebereis Poder [Meditação Matinal] Ellen G. White)

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s