05.07.2012

quinta-feira, 5 de julho de 2012

 

Ele testifica do que viu e ouviu, mas ninguém aceita o seu testemunho. Aquele que aceitou o seu testemunho confirmou que Deus é verdadeiro.

João 3:32-33

Para Refletir…

 

Como conheceremos por nós mesmos a bondade de Deus e Seu amor? O salmista nos diz – não: ouvi e sabei, lede e sabei ou crede e sabei; mas – “Provai, e vede que o Senhor é bom”. Em vez de confiar na palavra de outrem, provai por vós mesmos.

Experiência é conhecimento derivado de experimentação. O que se necessita agora é de religião experimental. … Alguns sim, grande número têm conhecimento teórico da verdade religiosa, mas jamais sentiram o poder renovador a graça divina em seu próprio coração. … Crêem na ira de Deus, mas não envidam ingentes esforços para evitá-la. Crêem no Céu, mas não fazem sacrifício para alcançá-lo. … Conhecem um remédio para o pecado, mas não o usam. Sabem o que é justo, mas não o apreciam. Todo o seu conheci- mento só servira para aumentar sua condenação. Jamais provaram e aprenderam por experiência própria que o Senhor é bom.

Tornar-se discípulo de Cristo é negar o próprio eu e seguir a Jesus tanto nas más como nas boas circunstâncias.

Toda acarinhada condescendência que prejudica nossa vida religiosa precisa ser eliminada. … O galardão da vida eterna é de infinito valor. Envidaremos esforços e faremos sacrifícios proporcionais ao valor do objetivo a ser alcançado?

Toda associação que formamos, embora restrita, exerce alguma influência sobre nós. A amplitude em que nos submetemos a essa influência será determinada pelo grau de intimidade, pela constância da comunicação e por nosso amor e respeito para com a pessoa com quem nos associamos. Destarte, por meio de convivência e associação com Cristo podemos tornar- nos semelhantes a Ele, o Exemplo irrepreensível.

Comunhão com Cristo quão inexprimivelmente preciosa! É nosso privilégio desfrutar tal comunhão se a procurarmos, se fizermos qualquer sacrifício para obtê-la.

Cada um está em condições, portanto, de certificar, por sua própria experiência, “que Deus é verdadeiro” (S. João 3:33). … Pode dar testemunho do que ele mesmo tem visto, ouvido e sentido do poder de Cristo. Pode testificar: “Eu precisava de auxílio, e encontrei-o em Jesus.

(Maranata! [Meditação Matinal] Ellen G. White)

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s