30.06.2011

quinta-feira, 30 de junho de 2011

Desejo conhecê-lo, e o poder da sua ressurreição e a comunhão dos seus sofrimentos, conformando-me com ele na sua morte; para ver se de alguma maneira posso chegar a ressurreição dentre os mortos.

Felipenses 3:10-11

Para Refletir…

  

O Capitão da nossa salvação preparou Seu servo para o último grande conflito. Resgatado pelo sacrifício de Cristo, lavado do pecado em Seu sangue, e revestido de Sua justiça, Paulo tem o testemunho em si mesmo de que sua alma era preciosa à vista de seu Redentor. Sua vida está escondida com Cristo em Deus, e ele está persuadido de que Aquele que conquistou a morte é capaz de guardar o seu depósito. Seu espírito se apega à promessa do Salvador: “Eu o ressuscitarei no último dia.” João 6:40. Seus pensamentos e esperanças estão centralizados na segunda vinda de seu Senhor. E quando a espada do carrasco desce e as sombras da morte envolvem a alma mártir, seu último pensamento se eleva, do mesmo modo que o primeiro quando ressuscitar, para encontrar o Doador da vida, que o há de convidar para a exaltação dos santos.

(História da Redenção Ellen G. White)

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s