Camisetas Da Adidas Queriam Explorar “Brasil Erótico”

A Adidas afirmou, na tarde desta terça-feira, que a linha de camisetas que apresenta frases de conotação sexual sobre as mulheres brasileiras foi retirada das prateleiras e de seu site. Uma delas apresenta a frase “Lookin’ to score”, que pode ser traduzida por algo como “em busca dos gols”, mas também é uma expressão que significa “pegar garotas”. A marca foi criticada pelo presidente da Embratur na segunda-feira. […] Na segunda-feira, o presidente da Embratur, Flávio Dino, pediu que a Adidas tirasse as camisetas de circulação. “Essa campanha vai no sentido contrário ao que o Brasil defende”, disse Dino em entrevista ao jornal O Estado de S. Paulo. “Nosso esforço é voltado para a promoção do Brasil pelos atributos naturais e culturais. Uma iniciativa dessas ignora e desrespeita a linha de comunicação que o governo adota.” A linha de produtos da Adidas fez com que a presidente Dilma Rousseff declarasse, [na] terça-feira, que o Brasil está pronto para combater o turismo sexual durante a Copa do Mundo. “O governo aumentará os esforços na prevenção da exploração sexual de crianças e adolescentes do Brasil”, disse ela, por meio do seu perfil no Twitter. Em nota oficial, a Adidas não se desculpou. Ao anunciar a suspensão dos modelos, informou que a marca comercializaria as camisetas “apenas” nos Estados Unidos – não no Brasil.

(Veja)

Nota: É hipocrisia da Adidas dizer que venderia as tais camisetas “apenas” nos Estados Unidos, ajudando, assim, a reforçar o estereótipo da mulher brasileira “fácil” e contribuindo para a exploração do turismo sexual que degrada o ser humano. Por outro lado, infelizmente, essa é a imagem que exportamos daqui, com cenas carnavalescas e “bigbrothescas”. Deveriam pedir desculpas a Adidas e nossa mídia irresponsável.

Fonte: Criacionismo

Versículo do Dia: Nunca viajei o mundo, mas sempre ouvir falar de quem o fez, que as mulheres brasileiras realmente são as mais bonitas do mundo. E disso não tenho duvidas! Agora me pergunto sem me valer de qualquer conceito machista: Será que o (atual) comportamento nacional feminino não vem contribuindo pra este tipo de merchandising? [SM]

Anúncios

Sobre Silvio L. Marcelino

Cristão (Adventista do Sétimo Dia). Tecnólogo em Marketing, Licenciado em História - Atualmente atua como Professor de História.
Esse post foi publicado em Comportamento, Notícias. Bookmark o link permanente.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s